seg. abr 15th, 2024

Del Valle vence o Flamengo nos pênaltis e conquista a Recopa Sul-Americana

By Clayton mar1,2023

O Flamengo perdeu sua terceira final em 2023, desta vez para o Independiente Del Valle, que se tornou o primeiro time a conquistar o título da Recopa Sul-Americana. O time rubro-negro perdeu nos pênaltis depois que o empate de Arrascaeta nos acréscimos levou à prorrogação, mas os dois times não conseguiram marcar, levando o jogo para os pênaltis. O Flamengo perdeu dois de seus cinco pênaltis, dando ao Independiente a chance de garantir o troféu diante de mais de 70,

O jogo foi muito disputado, com as duas equipes tendo chances de marcar no primeiro tempo. O Flamengo teve um gol de Pedro anulado e acertou a trave duas vezes em um minuto. No entanto, a equipe não conseguiu encontrar o avanço e a partida foi para a prorrogação.

Nos acréscimos de 30 minutos, os dois times lutaram para criar oportunidades claras e o jogo foi para os pênaltis. Arrascaeta, que havia empatado para o Flamengo no tempo regulamentar, errou o primeiro pênalti, e o time acabou perdendo por 5 a 4 na disputa de pênaltis. A derrota marcou a terceira derrota de Vítor Pereira em uma final neste ano, após derrotas para Palmeiras e Al Hilal na Supercopa do Brasil e no Mundial de Clubes, respectivamente.



O Flamengo precisava vencer por dois gols para garantir o título no tempo regulamentar, mas não conseguiu. A equipe teve um desempenho melhor do que no jogo de ida, mas ainda faltou a criatividade necessária para quebrar a defesa do Independiente.

O resultado deu ao Independiente seu primeiro título na Recopa Sul-Americana, enquanto o Flamengo lamentou mais uma oportunidade perdida em um início de temporada decepcionante.

Detalhes da partida:

Flamengo 1 (4) x (5) 0 Independiente del Valle

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Data e horário: terça-feira (28), às 21h30

Árbitro: Andrés Matonte (URU)

Auxiliares: Nicolas Tarán (URU) e Martin Soppi (URU)

Árbitro de vídeo: Andrés Cunha (URU)

Gols: Arrascaeta, 50’/2T (Flamengo)

Pênaltis: Flamengo: Arrascaeta (errou), David Luiz (marcou), Everton (marcou), Gerson (marcou), Gabigol (marcou) Independiente: Faravelli (marcou), Hoyos (marcou), Previtali (marcou), Schunke (marcou) , Landázuri (marcou)

Flamengo: Santos; Varela (Matheuzinho), Fabrício Bruno, David Luiz e Ayrton Lucas; Thiago Maia (Gerson), Vidal (Everton), Everton Ribeiro (Matheus Gonçalves) e Arrascaeta; Gabigol e Pedro. Treinador: Vítor Pereira.

Independiente Del Valle: Ramírez; Schunke, Carabajal e Basso; Fernández, Pellerano (Previtali), Faravelli e Caicedo (Cortés); Hoyos, Sánchez (Landázuri) e Plata. Técnico: Renato Paiva.

Veja também: