Sem Lewandowski, bávaros tiveram dificuldade, mas chegaram à 17ª vitória consecutiva na Bundesliga

13 June 2020, Bavaria, Munich: Football: Bundesliga, Bayern Munich – Bor. Mönchengladbach Photo: Matthias Balk/dpa (Photo by Matthias Balk/picture alliance via Getty Images)

Dia difícil para os gigantes alemães. Após o Borussia Dortmund ter sofrido para vencer o Fortuna Düsseldorf na manhã deste sábado (13/06), o líder Bayern de Munique também teve dificuldades para superar o Borussia Mönchengladbach na Allianz Arena, por 2 x 1.

O primeiro tempo foi agitado, com uma chuva de gols perdidos e lambanças, tanto no gol do garoto holandês Zirkzee, que substituiu Lewandowski, quanto no do Mönchengladbach, marcado contra pelo zagueiro Pavard. Na segunda etapa, os bávaros só conseguiram superar o adversário aos 40 minutos, com gol de Goretzka.

Com o resultado, o Bayern de Munique chega à 17ª vitória consecutiva na Bundesliga e somou 73 pontos, sete de vantagem sobre o Borussia Dortmund, com três rodadas para o fim do campeonato. Se o Bayern conseguir mais uma vitória ou o Dortmund derrapar, os bávaros conquistarão sua 30ª taça nacional da história.

O Borussia Mönchengladbach permanece com 56, na quarta colocação da Bundesliga.

O jogo

Como previsto, o Bayern iniciou a partida no controle das ações, controlando a posse de bola. No entanto, quem balançou as redes primeiro foi o Borussia Mönchengladbach. Aos 16 minutos, Hofmann recebeu bola enfiada e tocou na saída do goleiro Neuer. O VAR, no entanto, foi acionado e acusou impedimento do meia. O 0 x 0 permaneceu no placar.

A seguir, um festival de gols perdidos. Primeiro, com Hernandez, após bela troca de passes na área. O zagueiro, cara a cara com o goleiro, bateu em cima de Sommer. Depois, do outro lado, Embolo cabeceou para bela defesa de Neuer e, no rebote, o suíço mandou para fora.

Aos 26, a bola finalmente encontrou o fundo das redes, com grande ajuda do goleiro Sommer. Ao tentar devolver a bola para o zagueiro, ele errou o passe, que encontrou o atacante de 19 anos Zirkzee, que substituiu Lewandowski. Para deixar o artilheiro orgulhoso, o jogador dos Países Baixos mandou para o gol aberto e dar o 1 x 0 para o Bayern.

O Mönchengladbach chegou ao empate aos 36. Se Sommer deu um presente para o Bayern no lance do primeiro gol, foi a vez de Pavard retribuir o favor. Após cruzamento rasteiro pela direita, o zagueiro francês tentou cortar e mandou direto para a própria meta. Gol contra, 1 x 1 no placar.

Fonte: Metropóles