Share

Sem Hulk, Atlético sofre com bola aérea e perde para o Patrocinense na 1ª rodado do Mineiro

Tabu quebrado e revés para o Galo marcam o início do Campeonato Mineiro 2024


O Atlético sofreu dois gols de bola alçada na área e perdeu primeiro jogo na temporada Foto: Pedro Souza/Atlético

Patrocínio-MG, 24 de janeiro de 2024 – O atual tetracampeão do Campeonato Mineiro, o Atlético, iniciou sua jornada na edição 2024 com um revés inesperado diante do Patrocinense. O confronto, realizado no estádio Pedro Alves do Nascimento, viu o Galo ser derrotado por 2 a 1, em uma partida marcada por falhas defensivas que resultaram nos gols da Águia.

Desfalque de peso e mudanças táticas

O atacante Hulk, considerado uma peça-chave no esquema do técnico Luiz Felipe Scolari, foi um desfalque de última hora devido a problemas intestinais. Com a ausência do camisa 7, Scolari optou pela entrada de Alan Kardec, aproveitando as condições do gramado alto do Pedro Alves do Nascimento.

Primeiro tempo emocionante

O jogo começou com emoção nos primeiros 15 minutos, com o zagueiro Maurício Lemos abrindo o placar para o Galo. No entanto, uma falha defensiva permitiu o empate da Águia, com Everton Kanela aproveitando um cruzamento. O duelo ficou truncado nos minutos seguintes, com poucas chances para ambos os lados.

Insatisfação e cobranças no intervalo

Ao término da primeira etapa, Scolari expressou sua insatisfação com as condições do gramado em Patrocínio, classificando-o como um “pasto”. O treinador deixou claro que a qualidade do campo afetou o desempenho da equipe alvinegra.

Virada da Águia no segundo tempo

A segunda etapa manteve a tônica do primeiro tempo, com a partida sendo bastante truncada. Contudo, aos 28 minutos, a defesa atleticana falhou novamente, permitindo que Hudson marcasse o segundo gol para o Patrocinense. O Galo pressionou em busca do empate, mas os contra-ataques da equipe da casa levaram perigo ao gol adversário.

Análise da partida e perspectivas futuras

Apesar das mudanças e da pressão no segundo tempo, o Atlético não conseguiu reverter o placar, sofrendo sua primeira derrota no ano. O próximo desafio do time da capital será contra o Democrata, de Governador Valadares, na Arena MRV, no domingo (28).

Ficha técnica

Patrocinense 2 x 1 Atlético

Patrocinense: Cairo; Nando, Guilherme, Léo Alves, Ailton; Gabriel Galhardo, Marinho, Caiuby, Everton Kanela, Marcílio, Caique Lemes. Técnico: Rogério Henrique

Atlético: Everson; Saravia, Mauricio Lemos, Jemerson, Guilherme Arana; Otávio, Edenilson, Igor Gomes, Pedrinho, Paulinho, Alan Kardec. Técnico: Luiz Felipe Scolari

Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima, Leonardo Henrique Pereira, Ricardo Junio de Souza

VAR: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira

Gols: Mauricio Lemos (8′ 1T), Everton (15′ 1T), Hudson (28′ 2T)

Cartões amarelos: Naldo, Caiuby, Everton (CAP); Guilherme Arana (CAM)

Uma pessoa apaixonada por esportes, praias e pela leitura de clássicos literários como "Dom Casmurro", além de obras contemporâneas como "O Código Da Vinci" e explorando questões fascinantes sobre a "Origem da Vida", sempre buscando cativar as pessoas.

Google Search Nitro News Brasil