Após situação do Mutange se agravar, Carlinhos Maia pede ajuda para Maceió: ‘A cidade está afundando’

A situação de emergência em Maceió atingiu um novo patamar, com a Defesa Civil Municipal alertando para a possibilidade iminente de desabamento de uma das minas da Braskem no bairro Mutange. A preocupação se concentra na potencial abertura de uma imensa cratera, capaz de afetar não apenas a infraestrutura urbana, mas também ameaçar a integridade da lagoa local.

Carlinhos Maia pede ajuda para Maceió após risco de abertura de imensa cratera no Mutange — Foto: Reprodução/Instagram

Ao tomar conhecimento do alerta, o influencer Carlinhos Maia utilizou suas redes sociais, especialmente o Instagram, como canal para um apelo urgente por ajuda à cidade de Maceió. A afirmação veemente de que “a cidade está afundando” destaca a gravidade da situação. A Defesa Civil Municipal, por sua vez, reforçou as preocupações ao emitir um comunicado na quarta-feira (29), apontando a instabilidade em uma das minas de extração de sal-gema como origem do problema.

Pedido de socorro e dimensão do impacto

Carlinhos Maia não hesitou em direcionar a atenção do público para a crise em Maceió, enfatizando a urgência da situação. Com bairros transformados em locais quase fantasmagóricos e hospitais sujeitos a afundamentos iminentes, o influencer clamou por intervenção imediata, conscientizando o Brasil sobre a gravidade do cenário e a necessidade premente de auxílio.

A Justiça Federal tomou medidas drásticas, determinando a desocupação de 23 residências nas áreas mais próximas do Mutange, incluindo os bairros Bom Parto e Bebedouro. A ordem judicial prevê o uso da força policial em caso de resistência, refletindo a preocupação com a possível abertura de uma cratera de proporções alarmantes, comparável ao tamanho do Maracanã.

Afundamento de uma mina da Braskem próximo à lagoa Mundaú, no Mutange, em Maceió, pode abrir uma enorme cratera na superfície — Foto: Reprodução/TV Gazeta

Impacto nos bairros vizinhos e medidas preventivas

O bairro Pinheiro, vizinho ao Mutange, está em alerta, embora ainda não tenha recebido indicações formais de evacuação. Mesmo sem uma ordem direta, os moradores têm optado por deixar suas casas como medida de precaução. O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) confirmou que a extração de sal-gema foi a principal causa do afundamento do solo na região, agravando ainda mais o cenário crítico.

Diante do risco iminente, o Hospital Sanatório, localizado no bairro Pinheiro, foi evacuado na noite de quarta-feira. O temor é que o afundamento do solo, provocado pela atividade mineradora da Braskem, alcance o hospital, situado em uma encosta voltada para o Mutange, desencadeando o colapso e formação de uma cratera na região.

Carlinhos Maia pede ajuda para Maceió após risco de abertura de imensa cratera no Mutange — Foto: Reprodução/Instagram

Conclusão e apelo por auxílio urgente

A situação delicada em Maceió demanda ação imediata e coordenada para evitar desastres de grandes proporções. Com Carlinhos Maia amplificando o apelo por ajuda, a cidade enfrenta um momento crítico, exigindo respostas rápidas e eficazes. O risco de colapso urbano é real, e a mobilização de recursos e suporte é crucial para mitigar os impactos devastadores que a comunidade enfrenta.

Uma pessoa apaixonada por esportes, praias e pela leitura de clássicos literários como "Dom Casmurro", além de obras contemporâneas como "O Código Da Vinci" e explorando questões fascinantes sobre a "Origem da Vida", sempre buscando cativar as pessoas.

Google Search Nitro News Brasil