qua. abr 17th, 2024

Contraventamento se torna essencial em obras de steel frame

By DINO fev10,2023

Com os efeitos ocasionados pelas forças da natureza, é cada vez mais necessário inserir junto com o steel frame elementos para enrijecer a estrutura metálica. Para isso, se faz necessário a utilização de um sistema de ligação entre os principais elementos da estrutura para aumentar a rigidez do conjunto, os contraventamentos. Eles surgem como uma forma para evitar a deformação das paredes contra as cargas laterais geradas por ventos fortes e até terremotos, e ainda colaboram com a segurança de prédios e residências.

No Brasil, os mesmos tornam-se úteis em regiões onde a passagem de tornados é frequente, como o sul do país, por exemplo. Segundo informações divulgadas pelo Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD), do Ministério de Desenvolvimento Regional, foram registradas, no Rio Grande do Sul, entre os anos de 2003 e 2021, 16 ocorrências reconhecidas de tornados. Os anos de 2017 e 2018 foram os que apresentaram o maior número de ocorrências reconhecidas no período considerado. Os dados mostram uma tendência geral de aumento das ocorrências deste fenômeno no Estado.

Os contraventamentos podem ser feitos utilizando cruzes de San Andrés, placas de Oriented Strand Board (OSB), na tradução livre para o português, chapas de tiras de madeira orientadas,  ou multilaminados fenólicos. Além disso, na área de construção, torna-se uma opção rentável que serve como substrato para a colocação de isolamentos e revestimentos exteriores.



Entretanto, para que cumpram de fato a sua função, e ofereçam a segurança necessária tanto para a obra como para o público, torna-se essencial seguir algumas etapas, antes e depois da montagem.

Armazenamento

Atenção quanto a forma correta de armazenar os materiais que serão utilizados como contraventamento. Eles devem ficar protegidos contra a chuva e umidade do ambiente, para que não sejam danificados e sua capacidade estrutural seja preservada.

Colocação do OSB antes da montagem

Na fase de montagem, todos os elementos estruturais são interligados entre si para conseguir que trabalhem solidariamente uns com os outros. Nessa etapa, é necessário que o contraventamento esteja vinculado aos elementos da obra, para que o conjunto absorva as cargas laterais às quais será exposto.

Inserção correta do material

A inserção correta dos materiais depende totalmente de que as medidas sejam seguidas, desse modo é possível que o material consiga executar sua função e evite fissuras.

Para a correta colocação dos painéis, é necessário que as placas tenham espessura mínima de 12 mm e estejam fixas aos perfis por “parafusos com asas” separados de acordo com a engenharia detalhada, encaixadas entre si e com os vãos montados como C ou L”, explica Frank Lucian Vosgerau, gerente comercial da Barbieri no Brasil.

A recomendação é que o uso de contraventamentos seja mais frequente em projetos de obra, pois, sem a existência dos mesmos, a estrutura tem um impacto negativo direto e ainda pode gerar problemas graves relacionados à segurança.

O mesmo deve ser utilizado junto com o Steel Frame, sistema que vem se popularizando nos Estados Unidos desde 1995, onde 84% das obras são feitas com o recurso. E torna-se um diferencial por apresentar grande resistência em relação a terremotos em prédios e centros comerciais, reduzindo o seu impacto.

Veja também: