ter. abr 16th, 2024

Especialista explica como prevenir doenças cardiovasculares

By DINO fev28,2023

O Brasil é o oitavo país com maior mortalidade por doenças cardiovasculares no mundo, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). Segundo levantamento feito pela CNN através do portal Arpen-Brasil (Associação dos Registradores de Pessoas Naturais) em conjunto com a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), no ano de  2021 mais de 230 mil pessoas foram vítimas de doenças cardiovasculares.

O acúmulo de colesterol e de gordura nas artérias (aterosclerose) é uma das principais causas de doenças cardiovasculares. Outros fatores de risco são: hipertensão, diabetes, tabagismo, sobrepeso, sedentarismo, alimentação com alto teor de gordura, álcool e estresse.

Um diagnóstico precoce é fundamental para o tratamento das doenças e para reduzir as taxas de mortalidade. Recomendações do Ministério da Saúde orientam adultos acima dos 40 anos a fazer  exames periódicos para avaliar a pressão arterial, o colesterol e a glicose, além de realizar consultas médicas para verificar seus fatores de risco.



O Dr. Sérgio Francisco, cirurgião cardiovascular e membro da Comissão Científica da Sociedade Brasileira de Cardiologia Seccional Alagoas, pontua abaixo as principais formas de prevenção e tratamentos para evitar a piora ou aparecimento de problemas cardiovasculares, desde a infância até a ancianidade.

Como é possível prevenir as doenças cardiovasculares? 

  1. Praticar atividade física regularmente: “A atividade física regular é importante para prevenir problemas cardiovasculares, pois ajuda a melhorar a circulação e a manter o coração saudável”, explica.
  2. Procurar por uma dieta saudável: “A alimentação saudável inclui muitas frutas, verduras, grãos integrais e outros alimentos ricos em nutrientes. O ideal é evitar comer alimentos processados, ricos em gordura, sal e açúcar”, pontua. 
  3. Manter o peso saudável: Segundo o Dr. Sérgio, alguns estudos mostram que o excesso de peso aumenta o risco de doenças cardíacas. Por isso, é importante manter um peso saudável para reduzir o risco. 
  4. Evitar o consumo de álcool: “O consumo excessivo de álcool pode causar problemas cardiovasculares graves, limitar o consumo de álcool ou evitá-lo completamente é fundamental na prevenção”, recomenda o especialista. 
  5. Manter o estresse sob controle: Dr. Sérgio explica que o estresse crônico pode aumentar o risco de doenças cardíacas, sendo necessário encontrar maneiras de gerenciar o estresse, como exercícios regulares, meditação e outras atividades relaxantes.

Quais os tratamentos possíveis para as doenças cardiovasculares?

O tratamento para doenças cardiovasculares depende da causa e do estado clínico do paciente. Ele pode incluir mudanças no estilo de vida, medicamentos, cirurgia e procedimentos médicos. 

Mudanças no estilo de vida: Estas incluem perder peso, parar de fumar, praticar atividade física regularmente e seguir uma dieta saudável. “As mudanças podem ajudar a reduzir o risco de desenvolver doenças cardiovasculares e ajudar a controlar sintomas existentes”, comenta o Cirurgião Cardiovascular.

Medicamentos: “Os medicamentos para doenças cardiovasculares incluem medicamentos para controlar a pressão arterial, reduzir o colesterol, prevenir a coagulação sanguínea e reduzir o risco de ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral”, esclarece.  

Cirurgia: A cirurgia pode ser necessária para tratar doenças cardiovasculares. Segundo o Dr., “é possível realizar a cirurgia de revascularização miocárdica, a cirurgia de correção de válvulas cardíacas e a cirurgia de implante de dispositivos de marca-passo”. 

Procedimentos médicos: Sérgio Francisco pontua que os procedimentos médicos incluem a angioplastia, para abrir as artérias bloqueadas, e a cateterização cardíaca, que pode ser usada para diagnosticar ou tratar doenças cardiovasculares.

Para saber mais, basta acessar: https://instagram.com/sergiofranciscojr

Veja também: