Share

Mercado imobiliário investe em alto padrão que combina bem-estar com a natureza

O desejo de integrar o urbano à natureza em espaços que combinem arquitetura singular, conforto e bem-estar tem se tornado tendência no mercado imobiliário de alto padrão, conforme aponta uma pesquisa global da Knight Frank, The Health Report. Metade dos indivíduos com patrimônio líquido ultra alto, conhecidos como UHNWIs (Ultra High Net Worth), considera a proximidade com um parque como um fator decisivo na compra de um imóvel.

No Brasil, os números do segundo trimestre de 2023 revelam uma notável recuperação no setor imobiliário, com aumento significativo de 15,9% nas vendas e um aumento de 24% nas entregas em comparação com o mesmo período do ano passado. Esses dados, divulgados pela Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC) em outubro, indicam também que os imóveis de médio e alto padrão (MAP) foram responsáveis por uma queda nos lançamentos (-4,4%), devido às altas taxas de juros, mas que a perspectiva é de crescimento devido às numerosas entregas realizadas nos últimos anos. 

Diante desse cenário promissor e resiliente do mercado, a Construtora Futurista aposta no lançamento do Le Gris, em Curitiba, seguindo a tendência de imóveis de alto padrão localizados próximo a áreas verdes, no caso o Parque Barigui, na capital paranaense. “As pessoas estão buscando residências que ofereçam muito mais do que quatro paredes e um teto; elas desejam uma conexão real com a natureza e um ambiente que promova o equilíbrio e o bem-estar”, afirma Francisco Kozovits, sócio-proprietário da Construtora Futurista.

Grandes boulevards são outra tendência em edifícios que buscam trazer a natureza para perto dos seus moradores. Jardins são criados sob pilotis e bosques são plantados com espécies frutíferas e nativas das regiões. “São plantas cultivadas no início da obra para que, ao término da construção do edifício, em torno de três anos, já estarão dando frutos”, observa.

O futuro do mercado imobiliário de alto padrão

Empreendimentos incorporam elementos naturais e projetos de paisagismo, para criar um ambiente que se integra harmoniosamente à paisagem circundante. “À medida que as expectativas dos compradores evoluem, a busca por residências transcende a ideia convencional de quatro paredes e um teto”, afirma o arquiteto Kozovits.

A perspectiva global sobre propriedades e investimentos de alto padrão, da pesquisa Knight Frank, revela um futuro do mercado imobiliário em que 45% dos UHNWIs estão cada vez mais preocupados com o impacto que os edifícios nos quais estão investindo têm no meio ambiente.

Mercado imobiliário investe em alto padrão que combina bem-estar com a natureza

Você pode gostar...

%d blogueiros gostam disto:

Google Search Nitro News Brasil