Share

Procedimento estético é desejo de 80% dos jovens, diz estudo

O desejo de realizar algum procedimento estético atinge 80% das pessoas de 18 a 25 anos no Brasil. Entre pessoas com mais de 40 anos, 60% pensam em fazer alguma mudança estética, enquanto 40% dos entrevistados com mais de 60 anos apresentam o mesmo desejo. Os dados são de um estudo feito em 2022 pela HSR.

Outro dado apresentado pelo levantamento aponta que a vontade de realizar qualquer procedimento estético é 40% maior entre as mulheres, em relação ao mesmo desejo manifestado pelos homens. 

Segundo dados da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) houve um aumento de 390% do número de procedimentos no país no primeiro trimestre de 2022, se comparado ao mesmo período do ano anterior.

Para Thaiana Botarelli, médica dermatologista especialista em Tricologia e Estética Avançada, a faixa etária mais interessada em tratamentos estéticos diminuiu na última década, quando os mais velhos buscavam mais este tipo de procedimento. 

“Isso se explica pela grande expansão da imagem nas redes sociais. Hoje as pessoas se veem muito mais, seja através de vídeos, fotos ou publicações, e buscam cada vez mais a perfeição. Nós, profissionais da área, devemos ter muito cuidado com essa busca”, pontua a médica.

A relação do uso das redes sociais e a percepção de autoimagem foi objeto de um estudo brasileiro publicado no jornal Surgical & Cosmetic Dermatology este ano. Na pesquisa, 58,3% dos entrevistados afirmaram que os aplicativos de interação social influenciaram na sua autoimagem e 66,9% manifestaram intenção de realizar algum procedimento estético. 

Cuidados e precauções para realização dos procedimentos estéticos

Dra. Thaiana afirma que, em sua experiência particular, entre os procedimentos mais procurados pelos jovens, estão a toxina botulínica, conhecido popularmente como “botox”, o preenchimento labial e a rinoplastia, por permitirem ao paciente retornar rapidamente às suas atividades, já que se trata de um público mais imediatista. 

No entanto, a médica ressalta alguns cuidados a serem tomados antes de realizar um procedimento estético, como se informar se o profissional é habilitado para fazer aquele procedimento, tirar dúvidas e passar por uma avaliação prévia com o especialista (anamnese), conhecer a clínica onde será feito o tratamento, avaliar as condições de limpeza e higiene do local e se o estabelecimento possui autorização dos órgãos regulatórios para oferecer o serviço.

A especialista também destaca a importância da função do profissional em conscientizar e orientar pacientes que sofrem de dismorfismo (diferença atípica na estrutura do corpo), que almejam algo irreal ou que buscam um procedimento estético por se comparar a outra pessoa. 

“Toda beleza é única, cada um tem a sua. O desejo de mudar algo no próprio corpo não é um problema, desde que aconteça de forma saudável. O profissional também deve ser capaz de contraindicar um procedimento”, afirma Doutora Thaiana Botarelli.

Para saber mais, basta acessar: www.thaianabotarelli.com.br

Google Search Nitro News Brasil