Share

Chuva forte provoca alagamentos e deixa carros submersos na Zona Leste de SP nesta segunda-feira

Todas as regiões da cidade de SP entraram em estado de atenção para alagamentos às 12h21. Chegada de frente fria deve provocar instabilidades ao longo de todo o dia.

A chuva que atingiu a cidade de São Paulo nesta segunda-feira (14) provocou alagamentos e deixou carros debaixo d’água na Zona Leste da capital. Em Artur Alvim, várias ruas ficaram alagadas, e lojas tiveram que fechar as portas.

Moradores do bairro relataram que o alagamento foi provocado pela falta de drenagem das ruas, que estão cheias desde o temporal que atingiu a região no sábado (12).

Em nota divulgada nesta segunda (14), a prefeitura lamentou os transtornos causados aos moradores da região de Artur Alvim pelas chuvas dos últimos dias e disse que “a Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB) trabalha para normalizar o funcionamento do sistema de drenagem do bairro“.

Segundo a nota, uma passagem de água provisória está sendo implantada na região, para suprir a demanda da galeria danificada sob a Linha 11-Coral da CPTM.

Chuva alaga vias da Zona Leste de SP — Foto: Reprodução/TV Globo

Chuva alaga vias da Zona Leste de SP — Foto: Reprodução/TV Globo

Com a volta das chuvas à capital nesta segunda, Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE), da prefeitura de São Paulo, emitiu um alerta para alagamentos em toda a capital às 12h21.

Já às 12h37, o centro alertou para a iminência de transbordamento no Córrego Franquinho-Dom Hélder Câmara, na Penha. Pouco depois, às 12h51, foi registrado o transbordamento do Rio Verde, na região de Itaquera, também na Zona Leste da cidade.

Da meia noite até as 16h10 desta segunda, os bombeiros receberam 32 chamados para queda de árvores, 22 chamados para enchentes/alagamentos e seis chamados para desabamento/desmoronamento em toda a região metropolitana da capital.

Em Juquitiba, na Grande São Paulo, houve deslizamento de terra sobre uma casa. Quatro viaturas do Corpo de Bombeiros foram para o local.

Carro fica boiando em enchente na Zona Leste de SP — Foto: Reprodução/TV Globo

Carro fica boiando em enchente na Zona Leste de SP — Foto: Reprodução/TV Globo

O temporal também provocou transtornos em outras regiões da cidade. Na Zona Sul, no entorno do Parque do Ibirapuera, um alagamento deixou carros ilhados.

Na mesma região, um alagamento intransitável na Avenida 23 de Maio, pouco depois das 12h20, provocou um nó no trânsito do entorno. A via foi liberada por volta das 13h.

Alagamento é registrado na Avenida Ibirapuera, na Zona Sul de São Paulo, nesta segunda-feira (14) — Foto: Ana Beatriz Felício/TV Globo

Alagamento é registrado na Avenida Ibirapuera, na Zona Sul de São Paulo, nesta segunda-feira (14) — Foto: Ana Beatriz Felício/TV Globo

As chuvas desta segunda-feira atingiram bairros que já haviam sofrido estragos com temporais no último final de semana. Segundo a Prefeitura de São Paulo, a média foi de 59,5 milímetros de chuva, só neste final de semana, na cidade. O Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura de São Paulo já contabilizou 147,8mm de chuvas em março, o que representa 84,4% do total esperado para o mês, que é de 175,2mm.

Entre 19h de domingo (13) e 7h desta segunda-feira (14), a Defesa Civil foi acionada para atender sete acionamentos de quedas de árvores (quatro na região leste, uma na sul e duas na centro-oeste); dois deslizamentos na zona sul; e três desabamentos (um na região leste, um na sul e um na centro-oeste).

A previsão é a de que o tempo continue instável na capital ao longo de toda a tarde e começo da noite desta segunda. Segundo os meteorologistas do CGE, há potencial para rajadas de vento, alagamentos e deslizamentos de terra.

Na terça-feira (15), o cenário não muda: a madrugada começa com céu nublado a encoberto e temperatura média de 20°C. No decorrer do dia, a previsão é de sol entre muitas nuvens e pancadas de chuva com até forte intensidade entre a tarde e a noite. A temperatura máxima atinge os 27°C, com as taxas mínimas de umidade do ar acima dos 55%.

Na quarta-feira (16), as condições do tempo se repetem. Madrugada com céu nublado e termômetros em média na casa dos 19°C. No decorrer do dia, sol e nuvens, com pancadas de chuva de moderada a forte intensidade entre a tarde e as primeiras horas da noite. A temperatura máxima deve ficar por volta dos 26°C e os índices de umidade do ar entre 53% e 95%.

Uma pessoa apaixonada por esportes, praias e pela leitura de clássicos literários como "Dom Casmurro", além de obras contemporâneas como "O Código Da Vinci" e explorando questões fascinantes sobre a "Origem da Vida", sempre buscando cativar as pessoas.

Google Search Nitro News Brasil