Caso Sophia: Polícia encontra pistas na casa do tio da menina desaparecida

Investigação avança e autoridades encontram indícios na propriedade próxima à criança

Caso Sophia: Policia encontras pistas na casa do tio da menina desaparecida

A investigação do caso Sophia, a menina de oito anos desaparecida em Bananeiras (PB) desde o dia 4 de julho, continua sem apontar suspeitos. No entanto, as autoridades estão avançando nas buscas e encontraram contradições nas informações fornecidas pelo tio da menina, Paulo.

Roma, o bairro onde ocorreu o desaparecimento, é uma pequena localidade em Bananeiras, composto por apenas uma rua principal e conhecido pelo seu ponto turístico, o Cruzeiro de Roma. Os moradores costumam afirmar que todos se conhecem na região.

Essa característica tem intrigado a Polícia Civil, o Corpo de Bombeiros e todos os envolvidos no caso Sophia. A única possibilidade de a menina ter desaparecido sem deixar rastros seria se alguém muito próximo a ela estivesse envolvido.

Seguindo essa linha de raciocínio, a Polícia Civil realizou buscas em áreas frequentadas por Sophia e, por meio de uma testemunha, encontrou uma casa abandonada em uma área isolada do bairro.

Acompanhe ao vivo o Cidade Alerta desta quinta-feira (13/07)

A casa está localizada no terreno de Paulo, tio da menina, cercada por mata nativa densa. Durante as buscas, foram encontradas manchas que pareciam ser de sangue e terra revirada, possivelmente uma cova. Amostras foram coletadas para análise, mas ainda não há confirmação oficial. A Polícia Civil não descarta a possibilidade de que esses indícios comprovem que a menina esteve no local.

Embora a propriedade fosse familiar para Sophia por pertencer ao tio, ela só costumava visitá-la acompanhada, principalmente pela mãe, e não era comum vê-la andando sozinha no local.

O tio de Sophia foi levado para prestar depoimento, e a polícia notou contradições em seu relato em comparação com outros membros da família.

Ele afirmou que estava na casa da menina no dia do desaparecimento e disse ter conversado com Maria do Socorro, mãe de Sophia, além de ter visto duas das sobrinhas mais velhas. No entanto, ele nega ter falado ou visto a criança naquele dia. A polícia está intrigada com o fato de o tio afirmar ter estado lá no mesmo horário aproximado do desaparecimento, contrariando as declarações de outros familiares. No entanto, o caso ainda não possui suspeitos.

O programa Cidade Alerta, exibido de segunda a sexta às 16h50 e aos sábados às 17h, na Record TV, traz atualizações sobre o caso Sophia, mantendo a população informada sobre as investigações em andamento.

Uma pessoa apaixonada por esportes, praias e pela leitura de clássicos literários como "Dom Casmurro", além de obras contemporâneas como "O Código Da Vinci" e explorando questões fascinantes sobre a "Origem da Vida", sempre buscando cativar as pessoas.

Google Search Nitro News Brasil