Temperatura em São Paulo Despenca Quase 11°C em Apenas 3 Horas

Uma frente fria inesperada surpreende os paulistanos, trazendo chuva e granizo em meio a um período de calor intenso.

Por Clayton Lima

A temperatura máxima na cidade de São Paulo teve uma brusca queda de quase 11°C em um curto intervalo de apenas três horas durante a tarde da última quarta-feira (27). Os registros do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), coletados na estação meteorológica do mirante de Santana, na zona norte da cidade, mostraram que a temperatura máxima atingiu 33,8°C às 14h. Entretanto, três horas mais tarde, essa marca havia diminuído para 23°C.

No auge da tarde, quando os termômetros alcançavam sua máxima do dia, a capital paulista foi surpreendida por uma súbita tempestade de granizo. Como resultado, todo o município entrou em estado de alerta para alagamentos por cerca de uma hora, com término aproximado às 16h20, de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura de São Paulo.

Segundo a Climatempo, essa reviravolta climática drástica se deu devido à chegada de uma frente fria, após dez dias consecutivos com temperaturas superiores a 30°C e tempo seco na cidade.

“A chegada da frente fria gerou nuvens extremamente carregadas que provocaram temporal, com granizo e intensas rajadas de vento”, informa a agência meteorológica.

A Climatempo também observa que o ar quente acumulado sobre o estado de São Paulo contribuiu para o desenvolvimento das nuvens carregadas.

Por volta das 18h, os dados do Inmet apontavam para a menor amplitude térmica do dia, com a máxima de 23,1ºC no mirante de Santana e uma mínima de 22,9ºC, o que indica uma diferença mínima entre as temperaturas.

Josélia Pegorim, meteorologista da Climatempo, explica: “A justificativa para a queda acentuada da temperatura é que juntou tudo. Teve o sol que foi embora, encoberto por nuvens, a chegada da chuva e as rajadas de vento fortes de uma vez, o choque térmico foi muito forte. A mínima e a máxima colaram, numa coincidência.”

Conforme o CGE, a previsão aponta para um tempo instável na noite daquela quarta-feira no município, mas sem previsão de chuvas fortes.

As previsões do Inmet indicam que a chuva deve persistir até o final da semana. A Climatempo acrescenta: “O ar frio de origem polar fará com que as temperaturas permaneçam amenas até domingo (1º).”

A quinta-feira (28) está prevista para ser o dia mais frio da semana em São Paulo, com uma temperatura máxima estimada de 20°C, enquanto a mínima deverá ficar em torno de 14°C.

Segundo o CGE, a afastamento do sistema frontal e os ventos úmidos provenientes do mar favorecerão a entrada de umidade e do ar mais frio, resultando em céu encoberto e períodos com garoa e chuva leve.

Até domingo, a máxima não deverá ultrapassar os 28°C no município, conforme apontado pelo Inmet. No entanto, a temperatura deverá subir novamente na próxima semana, segundo previsões.

A meteorologista Josélia Pegorim conclui: “Essa foi apenas a primeira onda de calor da primavera; teremos outras.”

Uma pessoa apaixonada por esportes, praias e pela leitura de clássicos literários como "Dom Casmurro", além de obras contemporâneas como "O Código Da Vinci" e explorando questões fascinantes sobre a "Origem da Vida", sempre buscando cativar as pessoas.

Google Search Nitro News Brasil