Share

Caso Kemilly Hadassa: Menina de 4 anos desaparece em Nova Iguaçu

O último registro de Kemilly Hadassa Silva, dormindo no quarto ao lado dos irmãos, na residência de uma tia.

Desaparecimento de Kemilly Hadassa em Nova Iguaçu: Menina de 4 anos some misteriosamente; família pede ajuda nas buscas. A Polícia Civil inicia diligências, e a comunidade se mobiliza. Acompanhe o desenrolar dessa comovente história e saiba como colaborar nas buscas.

Familiares estão em busca do paradeiro da menina que sumiu em Nova Iguaçu — Foto: Divulgação / SOS Crianças Desaparecida

Uma comovente história toma conta de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, onde Kemilly Hadassa Silva, uma menina de apenas 4 anos, desapareceu na madrugada do último sábado. O mistério envolvendo seu sumiço se tornou uma angústia para a família, que agora busca respostas incansavelmente.

Kemilly foi vista pela última vez dormindo no quarto, ao lado de seus dois irmãos, na casa de uma tia, localizada no bairro Cabuçu. O desaparecimento foi notado pela família nas primeiras horas da manhã, levando-os a buscar ajuda na delegacia local, onde foi registrado o boletim de ocorrência.

A tia da menina, Monique Silva, compartilhou a preocupação da família, relatando que as autoridades orientaram a busca em hospitais e necrotérios, indicando a ida à delegacia de Belford Roxo na segunda-feira para tomar as providências necessárias.

Suelen Silva procura a filha de 4 anos que desapareceu — Foto: Reprodução/TV Globo

Buscas intensas e a agonia da espera

A residência da família é composta por casas próximas umas das outras, e Kemilly foi vista pela última vez no quarto ao lado de seus irmãos. A mãe, Suelen Silva, detalhou que saiu durante a madrugada, deixando a tia responsável pela vigilância das crianças. Ao retornar, notou a ausência da tia e de Kemilly, restando apenas os dois irmãos no quarto.

O desespero da família se intensifica, mas a Polícia Civil já iniciou as diligências para localizar a menina. O Conselho Tutelar acompanhará de perto as investigações, e o caso será encaminhado ao setor de descoberta de paradeiros da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense.

Protesto e apelo por ajuda

Em meio à busca frenética, a família de Kemilly realizou um protesto, buscando apoio da comunidade e sensibilizando a população para colaborar nas buscas pela menina desaparecida. O apelo por informações que levem ao paradeiro de Hadassa ecoa nas redes sociais e nos meios de comunicação locais, na esperança de trazer a pequena de volta para o seio familiar.

Familiares e amigos pedem ajuda nas buscas da menina — Foto: Reprodução/TV Globo

Conclusão e mobilização da comunidade

O desaparecimento de Kemilly Hadassa em Nova Iguaçu mobiliza não apenas a família, mas toda a comunidade local. O mistério que envolve seu sumiço gera uma onda de solidariedade e engajamento, evidenciando a importância da colaboração de todos para encontrar a menina de 4 anos. O desfecho dessa história angustiante está nas mãos da mobilização coletiva em prol da busca por Kemilly Hadassa Silva.

 

Uma pessoa apaixonada por esportes, praias e pela leitura de clássicos literários como "Dom Casmurro", além de obras contemporâneas como "O Código Da Vinci" e explorando questões fascinantes sobre a "Origem da Vida", sempre buscando cativar as pessoas.

Google Search Nitro News Brasil