Hélicóptero que desapareceu quando voava para Ilhabela é encontrado em Paraibuna; Não há sobreviventes

Localização da aeronave é revelada pela Polícia Militar, confirmando trágico desfecho para os quatro ocupantes.

Destroços com identificação do helicóptero encontrado no dia 12 de janeiro de 2023 pela Força Aérea Brasileira na cidade de Paraibuna, no interior de São Paulo — Foto: Divulgação

Encontre as últimas atualizações sobre o helicóptero desaparecido a caminho de Ilhabela. Polícia Militar confirma localização em Paraibuna e a trágica morte dos quatro ocupantes. Detalhes sobre as intensas operações de busca e as vidas perdidas. Atualizações em tempo real sobre as investigações em andamento. Confira aqui as informações completas.

Equipes de resgate das polícias Militar e Civil de São Paulo localizaram na manhã desta sexta-feira (12) o helicóptero H-60 Black Hawk, da Força Aérea Brasileira, que estava desaparecido desde 31 de dezembro. A aeronave foi encontrada em uma área de mata em Paraibuna (SP), região do Vale do Paraíba, aproximadamente 120 quilômetros do Campo de Marte, local de decolagem, e 80 quilômetros de Ilhabela, o destino final do voo. A Polícia Militar confirmou, através das redes sociais, que não há sobreviventes entre os quatro tripulantes.

A triste confirmação do desfecho foi feita pela Polícia Militar, que divulgou a localização da aeronave por meio do Águia 24. A imagem divulgada mostra destroços entre as árvores em uma clareira na mata. O jornalista César Tralli, da TV Globo, apurou que uma equipe especial de resgate da Força Aérea Brasileira, composta por nove pessoas, foi enviada ao local para investigar o acidente.

A aeronave não fez contato desde o último dia de 2023, mobilizando uma intensa busca que contou com a participação da Força Aérea Brasileira, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros de São Paulo. Durante os 12 dias de buscas, duas aeronaves da FAB cumpriram mais de 135 horas de voo, cobrindo uma área total de cinco mil quilômetros quadrados na região da Serra do Mar, entre o Vale do Paraíba e o Litoral Norte.

Os ocupantes do helicóptero foram identificados como Luciana Rodzewics, de 45 anos; Letícia Ayumi Rodzewics Sakumoto, de 20 anos (filha de Luciana); Raphael Torres, 41 anos (amigo de Luciana e Letícia); e Cassiano Tete Teodoro, de 44 anos (o piloto).

A notícia do trágico desfecho comove familiares, amigos e a comunidade, marcando o fim de uma angustiante espera por informações. A Polícia Militar, Polícia Civil e demais órgãos envolvidos nas operações de busca continuarão trabalhando para esclarecer as circunstâncias do acidente.

 

Google Search Nitro News Brasil